(11) 4249-2545 (11) 94797-6909

O Que A Droga Faz No Corpo


O Que A Droga Faz No Corpo

O que a droga faz no corpo é uma completa destruição. A droga é uma substância psicotrópica que afeta várias áreas do corpo, desde comportamento até às células. Que as drogas proporcionam uma sensação de prazer e bem-estar isso é fato! Porém, como qualquer outra substância tóxica ela apresenta muitos riscos à saúde do sujeito. Riscos que podem ser fatais.

Se você deseja saber sobre o que a droga faz no corpo, está no caminho certo. O primeiro passo para se libertar de uma doença é saber como ela funciona. Após saber sobre os seus efeitos, que podem ser irreversíveis inclusive, procure tratamento médico. Hoje em dia já existem vários tipos de tratamento para todos os gostos. Basta escolher o que mais de adequa a você.

Alteração no humor

O que a droga faz no corpo é alterar o humor. As drogas são substâncias tóxicas que afetam diretamente o Sistema Nervoso Central. Sistema que é responsável pela produção de neurônios que controlam os estados de humor do indivíduo. Além disso, é no Sistema Nervoso Central que se encontram os processos cognitivos do indivíduo e também o controle de seu comportamento. Para tudo isso existe um padrão perfeito de funcionamento entre os neurônios.

O comportamento, os processos cognitivos e o humor funcionam com base em ligações sinápticas entre os neurônios. Quando a droga entra no organismo, ela atinge diretamente essas ligações entre os neurônios alterando o padrão de funcionamento dessas ligações. Logo, o usuário de drogas começa a apresentar sintomas de depressão, tristeza e até mesmo de confusão mental. O que pode abrir quadro para outros transtornos mentais.

Afeta o sistema imunológico

Além de alterar o humor, o que a droga faz no corpo é afetar o sistema imunológico. A droga é uma substância tóxica, e como tal ela pode levar o indivíduo à morte de forma gradativa. Isso porque, as drogas entram nas células do organismo humano alterando o metabolismo do corpo. Essa alteração leva o indivíduo a um enfraquecimento muito grande que pode abrir quadro para outras doenças. Por isso, o usuário se sente muito cansado após o momento da drogadição.

Por ser uma substância danosa, a droga afeta as células de defesa do corpo humano. Infelizmente, nem a defesa natural do corpo consegue impedir os efeitos nefastos da droga. Ela mata as células de defesa e consequentemente, o corpo fica vulnerável às outras doenças. Por isso, é comum o surgimento de várias enfermidades em quem faz uso de drogas. Alguns tipos são mais letais e destroem essas células rapidamente. Outras demoram um pouco mais.

Afeta os principais órgãos

O que a droga faz no corpo também é afetar os principais órgãos. É claro que todos os órgãos são indispensáveis para a sobrevivência do corpo humano. Porém, há certos órgãos que, se prejudicados, tornam o funcionamento do organismo muito mais difícil. Em certos casos, o indivíduo fica até dependente de terceiros para realizar suas necessidades básicas. O que se configura em uma situação extremamente constrangedora.

Cérebro, Coração, Rim e Fígado são os órgãos mais importantes que as drogas afetam. Há situações em que o dano é tão grave que os efeitos são irreversíveis. Sequelas que ficam no cérebro fazem com que o usuário tenha problemas na fala, na cognição, na estabilidade mental. Prejuízos no coração podem ser fatais. Lesões podem ser ocasionados no rim e fígado criando a necessidade de até um transplante ou dependência de alguém.

Diminuição da libido

Você também precisa saber que o que a droga faz no corpo é diminuir a libido. Sim! As drogas afetam o apetite sexual do usuário. Em alguns casos, esse é um dos primeiros sinais notados pelo cônjuge de um usuário (a) de drogas e pode ser causa inclusive de muitos divórcios. Se o usuário de drogas não se abrir com a pessoa que dorme ao seu lado e explicar o que está acontecendo, ele pode jogar o seu relacionamento por “ralo a baixo”.

É preciso entender que a droga atinge a principal glândula do corpo chamada hipófise. Essa glândula é responsável pela produção de todos os hormônios do corpo, incluindo os hormônios sexuais. O que leva à perda imediata da libido. No momento da drogadição, a sensação de prazer é tão grande que quase se assemelha ao prazer sexual. Por isso, procure conversar com seu parceiro (a) sobre a situação e procure ajuda médica.

Agende uma Visita

Contato
Aceitamos diversos planos de saúde consulte
Planos de saúde
Podemos Ajudar?