(11) 4266-0513 (11) 4249-0221 (11) 97011-0268 (11) 94797-6909

Alcoolismo não é motivo para demissão por justa causa

Alcoolismo não é motivo para demissão por justa causa

O alcoolismo crônico é uma doença que integra o Código Internacional de Doenças. Sendo assim, funcionários acometidos por essa enfermidade devem ser afastados para tratamento – assim como se fosse qualquer outro tratamento de saúde.

A empresa que demitir o seu funcionário por justa causa por alcoolismo crônico está agindo erroneamente com base no artigo de número 482 da CLT (Consolidação das Leis do Trabalho).

De acordo com o artigo, a rescisão do contrato de trabalho só pode ser realizada por justa causa caso o funcionário seja saudável (ou seja, caso ele não seja um portador da doença) e apareça embriagado no ambiente de trabalho.

Porém, para isso é necessário compreender a diferença entre a embriaguez no trabalho e a condição de alcoolismo crônico.

O indivíduo que não é alcoólatra, ou seja, tem uma condição saudável e chega bêbado no ambiente de trabalho pode ser dispensado sem que haja direito à indenização trabalhista. Por outro lado, o mesmo não pode ser dito para um funcionário que sofre da condição de alcoolismo ou praticou algum ato que possa ser justificado pela doença crônica.

Para ilustrar, trouxemos o exemplo de um caso recentemente julgado pelo Tribunal Superior do Trabalho (TST). O empregado foi demitido por justa causa após ter ofendido alguns colegas do trabalho.

Porém, após a análise do TST, o indivíduo teve tal comportamento após ingerir, em um pequeno intervalo de tempo, substâncias alcoólicas e remédios controlados. Isso fez com que ele reagisse mal aos comentários de seus colegas, insultando-os.

O processo foi vencido pelo funcionário após a comprovação de que realmente houve a ingestão de ambas as substâncias. O relator do TST decidiu que ele não poderia ter sido mandado embora uma vez que já estava comprovada a sua situação como alcoólatra crônico.

Agora que você já conhece mais sobre a legislação trabalhista referente a episódios envolvendo alcoolismo, com certeza está mais preparado para auxiliar alguém enfrentando essa situação.

Não hesite em entrar em contato com a Clínica de Recuperação Grupo Casoto caso conheça alguém passando por uma condição de alcoolismo. Lembre-se que o consumo excessivo de álcool pode refletir em uma doença séria e que merece atenção especial.

 

Blog

Fique atento a todas informações sobre as clínicas de recuperação


Tratamento Psicológico para Dependentes Químicos

Tratamento Psicológico para Dependentes Químicos

Tratamento psicológico para dependentes químicos é algo essencial para garantir a eficiência da recuperação e reabilitação dos usuários. É preciso ter em mente que o consumo excessivo de drogas ilícitas não só prejudica os aspectos físicos do indivíduo, como também o psicológico....
Logo
Remédio Caseiro para parar de Beber e Fumar

Remédio Caseiro para parar de Beber e Fumar

Você conhecer sobre o remédio caseiro para parar de fumar e beber pode mudar drasticamente (e para melhor) a vida de quem deseja se ver livre deste vício, ajude seu familiar a ter uma recuperação hoje mesmo....
Logo
Tipos de Tratamento de Drogas

Tipos de Tratamento de Drogas

Existem algumas maneiras de buscar ajuda e se tratar do problema que é o vício em drogas. Os tipos de tratamento podem variar para cada situação, mas todos podem ajudar na recuperação do sujeito e ajuda-lo a retornar ao comando de sua própria vida....
Logo
Internação em Clínica de Recuperação

Internação em Clínica de Recuperação

Algumas dúvidas com relação as clinica de recuperação são bastante comuns entre as pessoas, especialmente para aqueles que desejam contratar os serviços de internação, porém não compreendem tão bem seu funcionamento. ...
Logo